10 fatores que o podem estar a desmotivar enquanto freelancer

Ninguém é perfeito. A todos chegam a uma altura em que a desmotivação acaba por aparecer. Infelizmente este mal irá afectá-lo a si, caro leitor, a qualquer momento. E aí deverá saber o que fazer para conseguir voltar a acreditar no seu trabalho e evitar que se questione e pense deve abandonar o seu trabalho enquanto freelancer. Para que isso não aconteça, precisa urgentemente de verificar quais são os seus sintomas para poder diagnosticar o remédio. Precisa de funcionar exactamente como um médico. Mas hoje vou dar-lhe uma pequena ajuda. Ficará neste artigo a conhecer quais são as 10 coisas que mais facilmente levam os freelancers à desmotivação. Muitas vezes nem se dá conta que elas estão aí mas a verdade é que acontecem.

PORQUE MOTIVO NÃO OS CONSIGO RECONHECER?

Os factores que o estão a desmotivar funcionam exactamente como um vírus: começam a fazer efeito e você nem dá por isso. Aí as suas defesas terão que começar a entrar em acção. E hoje vou dar-lhe o remédio certo. Mas isto sozinho não fará milagre nenhum. É preciso que o leitor reconheça os seus erros e comece já hoje a mudá-los. Esta é mesmo a parte mais complicada e é aqui que a maioria falha. Por vezes custa reconhecer onde falha. Mas esse é mesmo o passo mais importante que deve conseguir dar. O problema é que eles já estão tão intrínsecos no seu dia-a-dia que terá (naturalmente) dificuldade em retirá-los. Veja, de seguida, o que pode estar a desmotivá-lo enquanto freelancer:

1. TRABALHA DEMASIADO

Já cometi esse erro e muitas vezes ainda volto a cometê-lo. Este problema acontece principalmente porque não temos um chefe que nos diga constantemente o que devemos fazer e a que horas temos que começar a trabalhar. A liberdade que se consegue enquanto freelancer é muito positiva mas apenas se for bem utilizada. Se não o fizer, o facto de ser você que controla as horas pode muito bem virar-se contra si. Para isso é importante que tome as seguintes medidas:

  • Organize o seu dia no dia anterior
  • Defina horas para cada tarefa
  • Diga para si que NÃO trabalha a partir de determinadas horas
  • Diga para si que NÃO atende clientes a partir de determinadas horas
  • Não aceite mais projetos além dos que já tem

E é neste último ponto que vou falar nas próximas linhas. Além da desorganização, o excesso de projetos é outro dos motivos que leva os freelancers a trabalharem demasiado. Por vezes, por mais organizado que seja, disciplina pessoal que você tenha ou use o Rescue Time, o tempo não se multiplica se tiver projetos em demasia. O que aconselho a fazer nestes momentos é que abdique daqueles menos importantes. Faça a Lei de Pareto nos seus negócios e veja quais são os 20% dos seus trabalhos que lhe trazem 80% dos rendimentos. Depois disso, abandone ou delegue aqueles que pouca influência têm na sua vida.

O cansaço faz com que fique sem ideias e que desmoralize às primeiras dificuldades. Além disso, deve ter sempre tempo para si e para a sua família. Não se esqueça que esse é um dos benefícios do freelancing: ter tempo livre. E se o está a utilizar da forma incorrecta não está a sentir o verdadeiro prazer da profissão.

2. ESTÁ CONSTANTEMENTE A ADIAR AS SUAS TAREFAS

O ponto anterior pode estar claramente ligado a este. O fato de ter muito trabalho, pode levá-lo a adiar sempre o que tem para fazer no dia seguinte. Mas porque deixar para amanhã pode ser tão negativo? Os motivos podem ser vários, mas prefiro concentrar-me em dois essenciais. O primeiro deles é a pressão desnecessária que cria em cima dos seus ombros. Ao ter muito trabalho acumulado, acaba por trabalhar com mais pressa e menos prazer. Com isso, chegamos ao segundo motivo negativo que é a pior qualidade com que faz os seus projetos. Ao ter maior pressão, acaba fazendo tudo à pressa e com menos exigências. Concentra-se mais no essencial e esquece os pormenores. E essa atitude acaba a longo prazo por se refletir nos seus resultados, ficando abaixo daquilo que pode produzir.

3. MONOTONIA

O trabalho como freelancer é por si só bastante solitário, especialmente ao início. Por vezes é só você, o seu computador e pouco mais. Isso acaba peor criar uma monotonia muito grande em torno do seu dia-a-dia, acabando por se refletir no trabalho que você produz. Este é um dos fatores bastante fáceis de combater. Para isso vou-lhe dar algumas dicas:

  • Trabalhe no máximo uma a duas horas seguidas e depois vá dar um passeio, ouvir música ou um abraço nos seus filhos
  • Alterne tarefas completamente diferentes entre elas
  • Tente aprender coisas novas dentro do seu trabalho
  • Vá beber um café com os seus amigos depois do almoço
  • Faça um esporte diferente todos os anos

Como pode ver, a monotonia pode ser quebrada dentro do seu horário de trabalho mas também fora dele. Eu opto maioritariamente pela segunda opção, mais propriamente pelo último ponto. Isto porque o que faço fora do meu horário laboral acaba por afectar positivamente o meu rendimento no trabalho.

4. NÃO GOSTA DO QUE FAZ

Muitos freelancers iniciam o seu trabalho apenas porque têm facilidade naquilo que estão a fazer, mesmo fazendo-o sem a mínima paixão. Isto até poderá resultar a curto prazo. Mas ao fim de alguns meses irá se sentir frustrado e sem vontade de trabalhar. Pode pensar que irá conseguir disfarçar isso mas está apenas a enganar-se a si mesmo. Se isso estiver mesmo a acontecer, talvez esteja no momento de pensar se é realmente isto que quer fazer o resto da vida. Por vezes mais vale ganharmos um pouco menos e fazer-mos aquilo que nos leva a acordar de manhã.

5. OBJETIVOS IMPOSSÍVEIS DE ALCANÇAR

Conseguir ter metas que o motivem a trabalhar é importante. Mesmo as impossíveis podem ser motivadoras. Mas a verdade é que não deve abusar desse género de objetivos, pois corre o risco que eles funcionem ao contrário. E aí sim você tem um grande problema. Por isso siga o meu conselho: vá aos poucos. Dou-lhe um exemplo. Se começou hoje a escrever pela primeira vez no seu blog, não pretenda logo redigir um artigo fantástico.  Comece por ter como objetivo escrever apenas um texto coerente. Depois tente com que gere comentários. Apenas no fim tente fazer um artigo que os seus leitores com água na boca. Dividir uma meta grande em pequenas ajuda-o a manter-se motivado.

6. PENSA DEMASIADO NO PRESENTE

Sonhar acordado faz bem. Especialmente se isso significa que está imaginar sucesso no seu trabalho. Ter a visão de um futuro risonho para si faz com que sinta vontade de trabalhar hoje, para construir o futuro do amanhã. Contudo, muitos freelancers adoram andar a apagar fogos todos os dias. Ou seja, gostam de estar constantemente a produzir sem olharem para o futuro. Imaginar o que poderá acontecer à sua empresa é importante. Não só porque o ajuda a manter-se motivado, mas também porque pode dar-lhe ideias que o podem destacar-se dos seus concorrentes.

7. DEMASIADO EXIGENTE CONSIGO MESMO

Este ponto difere do quinto por uma simples razão. Aquele referia-se a objetivos que você definia para o seu trabalho, este é relativo a tudo o que você possa fazer no seu trabalho, tal como falar com clientes, organizar a sua agenda ou querer resultados em pouco tempo. A exigência faz bem, mas em demasia pode dar cabo da sua motivação. Ao falar há pouco tempo com o Miguel Lucas da Escola Psicologia, ele explicou-me que uma mente forte não é aquela que é inflexível, mas sim uma mente que se molda às mais variadas situações. Portanto, não existe mal nenhum que exija o máximo de si, desde que saiba reconhecer quando já deu o seu máximo e que não deu certo. Veja isso como uma coisa normal e que pode normalmente acontecer no seu trabalho como freelancer.

8. SÓ PENSA NO DINHEIRO

O dinheiro não deve nunca ser a sua motivação para trabalhar. Quem se baseia nos lucros que gera acaba mais tarde ou mais cedo por se desmotivar. É claro que não sou nenhum monge nem acredito que o seu negócio possa viver sem gerar rendimentos. Longe disso. Mas também é verdade que se os rendimentos forem o motivo central porque trabalha, o mais tarde é sentir-se constantemente frustrado. Ao iniciar o seu negócio, opte por metas mais pequenas como aumentar o número de clientes ou melhorar o seu produto. Se realizar um bom trabalho, os lucros aparecem mais tarde ou mais cedo.

9. DÁ POUCO TEMPO PARA O SEU NEGÓCIO CRESCER

Os primeiros três conselhos que dou para alguém que esteja a iniciar o seu negócio como freelancer são estes: paciência, paciência e ..paciência. O problema é que a maioria das pessoas não o tem e espera alcançar resultados positivos logo nas primeiras semanas.  Querer resultados antes mesmo que eles possam acontecer é uma fonte de frustração para si. É preciso dar tempo para que o que está a construir comece a crescer, para que repare os seus erros e veja as melhores formas de investir.

10. AFINAL NÃO ERA O QUE VOCÊ IMAGINAVA

Isto acontece muito frequentemente. Gosto de uma determinada área e invisto nela para trabalhar como freelancer. No entanto, passado algum tempo começa a ver que não é aquilo que realmente deseja para o seu futuro. A verdade é que isto infelizmente acontece. Talvez porque o trabalho como freelancer coloca muita pressão sobre os ombros de quem o inicia ou até porque realmente não nasceram para isso. Se você está nesta situação, opte por voltar atrás e regressar ao seu emprego anterior. Não tem mal nenhum. Ao menos você tentou e viu que aquilo não era para si. Assim ficará para sempre com a sua consciência tranquila.

E VOCÊ, SENTE-SE DESMOTIVADO?

Encontrar momentos em que fica desmotivado é perfeitamente normal. Mas não veja isso como o início do fim do seu negócio. Veja se se enquadra nos pontos acima e resolva o problema. Encare isso como uma coisa normal e que faz parte do seu negócio. Esse não será o último momento nem o primeiro.

E o leitor, tem se sentido desmotivado? A que pensa que isso se deve? Deixe um comentário a mostrar o que tem feito para ultrapassar esses momentos.

Abraço!

Artigos
Relacionados

Comentários (12)

Gostou desse artigo?

Partilhar Comentar

  • Neemias

    A desmotivação impede que o fluxo do sucesso cresça. Não deixar para manhã o que podes fazer hoje é um bom lema para começar a se motivar.

    08/02/2011

    Responder
    • Neemias,

      Pensar no futuro sempre foi e será uma excelente forma de se motivar. O fato de sonhar faz com que aumente a sua adrenalina e vontade de trabalhar. Mas como essas existem outras técnicas bastante úteis! Utilize-as e depois conte os resultados.

      Abraço

      16/02/2011 Luciano Larrossa

      Responder
  • wetalkabout

    Dar o máximo de nós nem sempre é suficiente e quando isso acontece é difícil reconhecer mas precisamos mesmo aprender isso para não nos desmotivarmos.

    A organização e a fuga à monotonia ajudam MESMO muito na hora de levantar a moral e arregaçar as mangas para abraçar o futuro, com o pensamento que será sempre melhor que ontem e hoje.

    19/02/2011

    Responder
    • Wetalkabout,

      Ainda no outro dia estava me sentindo meio em baixo e resolvi retirar uma tarde para mim. Fui passear com os meus amigos e no dia seguinte parecia estar como novo! Fugir ao seu dia-a-dia é por vezes essencial para conseguir terminar com toda essa desmotivação.

      Abraço

      11/03/2011 Luciano Larrossa

      Responder
  • Tomé M.

    Excelente Artigo Luciano!

    Agora já sei que factores devo tentar evitar pensar ou praticar...

    Abraço

    24/02/2011

    Responder
  • Luciano Larrossa

    Tomé,

    Evite-os e verá que irá se sentir muito mais motivado. Apesar de me parecer pelos seus comentários de que motivação não falta=)

    Abraço

    11/03/2011

    Responder
  • Pedro

    Excelente artigo Luciano. Achei o seu site na Internet e estou lendo vários artigos, todos muito interessantes.

    Estou em uma fase bem estranha, meu negócio está indo bem, sendo que comecei a apenas 2 meses, meus clientes estão aumentando, só que trabalhar sozinho está me deixando muito deprimido, sei lá, gosto de trabalhar em equipe, com prazos e um chefe. hehehe

    Acabo sendo um pouco improdutivo, então procurei e li um artigo no seu site para utilizar o software RescueTime, muito bom esse sistema, estou utilizando ele e espero ter bons resultados.

    Vocês conhecem empresas de coworking? Pensei em ir trabalhar part-time nesses locais, mas mesmo meu negócio indo bem ainda não tenho condições de alugar um espaço nesse local, sem falar que terei que comprar um notebook também.

    Grande Abraço e sucesso a todos.

    30/03/2011

    Responder
    • Pedro,

      Obrigado pelos elogios! Esse seu problema de trabalhar em equipa pode ser resolvido, com algumas técnicas. A primeira é começar a trabalhar num local público. Outra pode ser marcar sempre um café ao final do dia com os seus amigos, para sair um pouco do isolamento!

      Relativamente aos espaços de cowork, é uma coisa que recomendo vivamente. A nossa produtividade aumenta muito e o seu problema de se sentir muito isolado vai ser resolvido lá acredite. Temos um post dedicado a isso mesmo Pedro=)

      Abraço

      14/05/2011 Luciano Larrossa

      Responder
      • Muito obrigado pela resposta Luciano!

        Não pude ir para um escritório de cowork, mas tive a necessidade de contratar um funcionário para trabalhar atendendo meus clientes.

        De certa forma está me ajudando muito já que tenho um colega para trabalhar comigo, mesmo sendo todo o trabalho feito ainda na minha casa!

        Um Abraço.

        14/05/2011 Pedro

        Responder
        • Pedro,

          Ainda bem! Isso significa que o seu negócio está crescendo. Realmente delegar tarefas é uma boa forma de aliviar um pouco a "carga" e conseguir produzir com melhor qualidade.

          Abraço e não tem nada que agradecer, estou aqui mesmo para ajudar os leitores =)

          14/05/2011 Luciano Larrossa

          Responder
  • Alessander Raker

    Como freelanceres temos realmente que aproveitar essa liberdade, para fazer coisas novas, quebrar a rotina e criar novos projetos.

    As vezes estou desmotivado e aprendi que nao adiante ralar demais.

    Trabalhar muito é ruim, prefiro hoje pegar projetos melhores e mais lucrativos do que pegar muitos projetos e ter todo o tempo tomado.

    Acredito que o tempo livre é otimo para desenvolvermos novos projetos, ter novas idéias ou mesmo descansar. Tudo isso reflete positivamente nos meus trabalhos

    Obrigado Luciano e um abraço

    04/05/2011

    Responder
    • Alessander,

      A desmotivação é realmente um problema no dia-a-dia dos freelancers. Uma boa maneira de a combater é criar novos projetos como você diz. Ao vermos algo novo, parece que renovamos a nossa vontade.

      Abraço

      14/05/2011 Luciano Larrossa

      Responder

Deixe seu comentário

Seu Gravatar

Rede Escolas Plus

  • Psicologia

    Artigos sobre Psicologia, Motivação e muito mais, de uma forma prática e simples que lhe permitem melhorar a sua vida pessoal e profissional.

  • Criatividade

    Melhore a sua Criatividade através de tutoriais de desenvolvimento web, webdesign, dicas de inspiração, e muito mais.

  • WordPress

    Torne seu WordPress numa verdadeira máquina com nossos artigos, templates exclusivos, plugins e tutoriais totalmente em português.

  • Dinheiro

    Aprenda como ganhar dinheiro na internet com sites e blogs, usando anúncios do Google, Programas de Afiliados, Email Marketing e muito mais.

  • Apostas

    Gostava de ganhar dinheiro com seus palpites sobre esportes? Siga nossos tutoriais e dicas sobre como fazer apostas esportivas.