15 ideias de negócio que passaram a valer mais de 100 milhões de dólares no último ano

Sei que o ano de 2011 já ficou para trás. Mas ainda assim, existem muitos casos que ainda devem ser estudados e divulgados, de modo a que possamos aprender um pouco mais com eles e começar 2012 de um modo bastante motivador. Apesar de ter sido um ano de crise, especialmente em Portugal e no resto da Europa, exemplos como os que lhe vou dar a conhecer hoje, demonstram que existe sempre espaço para o mercado absorver um novo produto.

“Enquanto alguém chora pela crise, outra pessoa vende lenços de papel”. Esta expressão não se poderia adequar mais aos dias de hoje. Saber que uma baixa no mercado significa uma abertura de oportunidades de negócio, é um raciocínio crucial para qualquer empreendedor de sucesso. Esta atitude proativa e de saber encontrar valor numa necessidade da sociedade, tal como explica o Miguel Gonçalves no artigo sobre o que fazer quando não consegue trabalhar na sua área, define quem poderá fazer crescer uma ideia de negócio ou quem ficará apenas pelos passos iniciais. Os empresários que lhe vou falar hoje, não tiveram sucesso de um dia para o outro. Em alguns casos, as empresas começaram a vender o seu produto há alguns anos, mas apenas em 2011 as suas startups passaram a valer 100 milhões de dólares. Mas antes disso e se for daquelas pessoas que adora pesquisar sobre novas ideias de negócio, pondere ler alguns artigos da Escola Freelancer sobre o tema:

1. BETTERWORKS

Qualquer empresário sabe o quanto é importante os seus empregados andarem satisfeitos e motivados na hora de trabalhar. Para isso, é necessário dar algo mais além do trabalho, como algumas aulas de Yoga ou uma boa sessão de massagens, tal como faz o Google. Para isso, a Betterworks conta com um serviço bastante inovador. Este empresa tem parcerias com academias, restaurantes ou idas à Disney. Para tirar partido dos benefícios desta startup, o empresário apenas necessita de fazer um acordo com a empresa. Depois, os seus funcionários podem reservar os seus serviços através do site, bastando para isso fazer um simples log in.

Além de poupar dinheiro para a empresa, este tipo de negócio inovador evita preocupações a nível de conversação com academias e restaurantes, deixando mais tempo livre para que os empresários possam se preocupar com aquilo que mais interessa: a venda de produtos.

2. INSTAGRAM

Apaixonado pela fotografia desde muitos novo, Kevin Systrom resolveu que queria tirar o melhor partido das novas tecnologias para conseguir imagens de qualidade e que pudessem ser divulgadas de um modo mais eficiente. Para isso, criou o Instagram. Um aplicativo para o Iphone que permite aos usuários aplicarem diferentes filtros e efeitos em suas fotos. Mas não se fica por aqui: permite também a partilha rápida nas redes socias como o Twitter ou o Facebook. Em um ano, conta já com 9 milhões de usuários. Apesar de ainda não ter um modelo de rentabilidade, os investidores têm acreditado nesta startup e o ano passado investiram mais de 100 milhões de dólares.

3. WARBY PARKER

Vender óculos é um negócio que já existe há muitos anos. Portanto, não teria algo de muito inovador se começasse o seu próprio negócio dessa forma. Mas Neil Blumenthal e Dave Gilboa viram neste ramo uma oportunidade para vender produtos on-line. Começaram a comercializar óculos a um preço mais reduzido que as grandes marcas, mas com um estilo mais clássico. A Warby Parker tem se destacado pelo retorno dos seus clientes ao site. A maioria compra um produto desta empresa e volta à página para adquirir outro óculo, o que demonstra a satisfação dos clientes neste negócio.

4. BEACHMINT

Todos sabemos o poder que as celebridades têm na venda de qualquer produto. Um casaco pode até ter pouca qualidade, mas se for vestido por alguém famoso, as vendas disparam. E foi a pensar nesta enorme vantagem que Josh Berman criou a BeachMint. Esta empresa é uma “social commerce” e vende produtos de celebridades, ficando depois com uma percentagem das vendas. Vai para o seu segundo ano de vida e foi avaliada em 150 milhões de dólares.

5. FLIPBOARD

Com a quantidade enorme de informação que existe nos dias de hoje, é importante mentar a organização. Para isso, surgiu o Flipboard, que não é mais do que uma “revista social”, que organiza toda a sua informação, desde os sites que acompanha até às fotos que você tira. O seu ponto forte é o formato de revista, que se adapta tanto ao Iphone como ao Ipad.

6. SHOEDAZZLE

Todos sabemos que o mercado feminino é sempre uma boa aposta. Mas Brian Lee fez uma pouco mais do que isso. Construiu um site onde as mulheres podem personalizar as suas compras, desde sapatos, malas ou outros acessórios. A startup foi avaliada em 280 milhões de dólares.

7. VOSTU

É uma startup brasileira que tem feito um sucesso considerável. A Vostu soube utilizar bem o crescimento dos jogos nas mídias sociais para potenciar o seu crescimento, tendo mais de 50 milhões de jogadores nas suas plataformas. Esta empresa também sabe como motivar os seus funcionários, criando um ambiente criativo com oferta de refeições ou ambiente de jogos nas suas sedes. A Vostu foi fundada em 2007 e conta com escritórios em Nova York, São Paulo e Buenos Aires.

8. ONE KINGS LANE

Para quem adora decorar a sua casa, o One Kings Lane é uma excelente opção. Este site contêm todo o tipo de decoração para o lar. Mas a sua principal novidade é que a quantidade de produtos para vendas é limitado e esgotam em segundos. Com preços bastante baixos, o site tem crescido a olhos vistos e a empresa já foi avaliada em 440 milhões de dólares. Infelizmente, ainda não vende os seus produtos para o Brasil ou Portugal.

9. ZOCDOC

O tempo do papel e da caneta estão ficando cada vez mais para trás. Com o crescimento da internet, as reservas são cada vez mais realizados em ferramentas on-line que lhe permitam tomar nota enquanto trabalha. E os médicos não são excepção nesta mudança de atitude. O ZocDoc é dedicados a todas as pessoas que desejem marcar uma consulta. Para isso, a plataforma mostra-lhe quais são os horários em que cada profissional está disponível, tendo depois que marcar apenas a consulta. Outro ponto positivo é que a sua utilização é completamente gratuita. Todo este sucesso tem ajudado a empresa a evoluir desde 2007, tendo sido avaliada em 700 milhões de dólares.

10. STORM8

Mais um site para jogos que está a fazer sucesso. O Storm8 comercializa os seus produtos para Ipad, Iphone e Android. O seu sucesso levou a que a Zynga tentasse comprar a empresa, mas o negócio acabou por não se concretizar porque o preço pedido foi demasiado elevado. Um situação que se pode considerar normal, visto que a empresa em 2011 foi avaliada em um bilião de dólares, contra os 300 milhões de dólares conseguidos em 2010. O seu fundador é Perry Tam.

11. SPOTIFY

Se você não gosta de estar o tempo todo fazendo downloads ilegais na internet, o Spotify é o site ideal para si. Nesta página, pode ouvir qualquer música dos seus grupos ou cantores favoritos apenas com um clique. O site ganha dinheiro através da sua versão premium, na qual você pode ouvir as músicas sem ter que assistir a publicidade. O Spotify tem bastante sucesso na Europa e nos EUA, tendo já chegado aos 2 milhões de subscritores.

12. ROVIO

Para quem nunca jogou Angry Birds, aconselho vivamente que não o faça. Isto porque o jogo é altamente viciante e pode colocar a sua produtividade em causa. Brincadeiras à parte, este jogo é a principal fonte de rendimento da Rovio, que tem feito sucesso em todo o mundo e ajudado o seu fundador Mikael Hed a angariar uns bons milhões de dólares. Foi avaliada em 1,2 biliões de dólares.

13. AIRBNB

Para quem vive sozinho e tem um quarto vazio, tem aqui uma excelente oportunidade para ganhar mais algum dinheiro por mês. O Airbnb é um site que lhe permite colocar a sua casa ou uma divisão da mesma para alugar, sendo que o contrário também acontece. Se você quiser viajar e não está para pagar preços absurdos em hotéis, tem neste site uma boa oportunidade para conseguir um bom local e ainda poupar dinheiro. A ideia surgiu em 2008 pelas mãos de Brian Chesky e já foi avaliada em 1,3 biliões de dólares.

14. SQUARE

Ainda não chegou a Portugal, mas parece-me uma ferramenta bastante engraçada e que irá ajudar muitos freelancers. Entrei em contato com a empresa e ela garantiu-me que quando chegasse a Portugal ou Brasil eles enviariam um email. Ficarei à espera. Passando para o negócio em si, o Square não é nada mais do que um pequeno aparelho de plástico portátil, quer permite fazer pagamentos de um cartão de crédito. Este pequeno aparelho liga-se ao Iphone ou Ipad e a partir daí pode ser feita a cobrança. Foi fundado por Jack Dorsey, o mesmo criador do Twitter.

15. DROPBOX

4 biliões de dólares já é um número considerável para uma startup, mas a verdade é que o negócio de Drew Houston continua a faturar desde 2007. No Dropbox,poderá guardar todos os seus arquivos em qualquer parte do mundo, desde que tenha uma ligação à internet. Ao contrário do Evernote, este site é mais dedicado ao armazenamento de ficheiros mais pesados como fotografias. Funciona mais ou menos com uma pen drive on-line.  No dropbox, terá sempre duas opções: trabalhar através de internet ou instalar no seu próprio computador. O único problema é que ainda não tem site em português. Aproveite e aprenda também como fazer backups automáticos do seu blog WordPress para o Dropbox.

O QUE ACHOU DESTAS EMPRESAS?

Como expliquei no artigo sobre os 10 passos para criar um negócio próprio, é necessário bem mais do que uma ideia de negócio inovadora para se ter sucesso. É necessário paciência, muitos anos de trabalho e acreditar naquilo que se está fazendo. Estas 15 empresas que lhe mostrei acima são ideias completamente inovadoras, mas que tiveram uma pessoa que sempre acreditou nelas. Quer você seja um freelancer ou um aspirante a empresário de sucesso, necessita de acreditar naquilo que está fazendo, para que a sua ideia possa triunfar no mercado.

E você, o que achou destas empresas? Conhecia todas elas? Qual lhe pareceu que terá mais futuro?

Abraço e bons negócios

Artigos
Relacionados

Comentários (3)

Gostou desse artigo?

Partilhar Comentar

  • Matheus

    São idéias realmente boas e interessantes, ótimo artigo!

    16/01/2012

    Responder
  • João Pedro Costa

    Sensacional a matéria, particularmente o desfecho. Sem dúvida, não existe idéia genial que sobreviva sem trabalho duro.

    O que fica claro é que atualmente, salvo raras exceções, os principais cases de sucesso rápido estão em plataformas online, buscando na maioria das vezes facilitar a vida do empresário ou usuário.

    O negócio número 14 (Square) me chamou muito a atenção. Os custos fixos de operar com cartão de crédito impedem esse serviço de ganhar ainda mais capilaridade e vejo essa como uma alternativa que torna esse mercado mais competitivo.

    17/01/2012

    Responder
  • David Oliveira

    Olá eu gostei desse aqui site recém chegado muito bom, GroupsDoc sua alternativa na hora de marcar consulta. https://www.facebook.com/Groupsdoc

    09/05/2012

    Responder

Deixe seu comentário

Seu Gravatar

Rede Escolas Plus

  • Psicologia

    Artigos sobre Psicologia, Motivação e muito mais, de uma forma prática e simples que lhe permitem melhorar a sua vida pessoal e profissional.

  • Criatividade

    Melhore a sua Criatividade através de tutoriais de desenvolvimento web, webdesign, dicas de inspiração, e muito mais.

  • WordPress

    Torne seu WordPress numa verdadeira máquina com nossos artigos, templates exclusivos, plugins e tutoriais totalmente em português.

  • Dinheiro

    Aprenda como ganhar dinheiro na internet com sites e blogs, usando anúncios do Google, Programas de Afiliados, Email Marketing e muito mais.

  • Apostas

    Gostava de ganhar dinheiro com seus palpites sobre esportes? Siga nossos tutoriais e dicas sobre como fazer apostas esportivas.